terça-feira, 22 de setembro de 2015

Dia mundial sem carro, sem carro só no nome

Hoje, 22 de setembro é o dia mundial do carro, data criada na Europa para conscientização do uso excessivo do automóvel.

O nome dado é "Dia mundial sem carro", mas não passa de um nome e uma data comemorativa, porque na prática poucos abandonam seus automóveis, mesmo que seja por um dia.

O mundo já está totalmente consciente dos riscos da poluição causada pelos automóveis, mas porque poucos decidem deixar de utilizá-los no Brasil?

A verdade é que muitos têm vontade de deixar de usar o automóvel para ir ao trabalho, pois o preço do combustível no país atingiu patamares estratosféricos e o transito é terrível. Mas quando tentam utilizar o transporte público o sofrimento acaba sendo dobrado. São longos minutos de espera, ônibus atrasados e metros completamente lotados.

Pois aí que surge a opção pela bicicleta, mais rápido e menos cansativo do que a caminhada, poderia ser a solução, mas ainda não é. No Brasil existem poucas ciclovias, e quando tem, são mal feitas e sem a manutenção necessária.

O Brasil não fornece condições para que as pessoas possam deixar seus veículos na garagem, é preciso investir cada vez mais no transporte público e na criação e manutenção das ciclovias, e quando isso acontecer, só restará ao brasileiro deixar de lado o status e o conforto do automóvel e utilizar de outros meios para se locomover.