terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Santa Inocência


Na última quinta-feira, 11 de de dezembro, o bilionário Bernad Madoff, ex-presidente da Nasdaq e atual presidente de um gigantesco fundo de investimentos, foi preso nos Estados Unidos, acusado por fraude.

Bernard Madoff articulava um esquema fraudulento que assemelha-se a de uma pirâmide, basicamente, o fundo utilizava o capital dos novos investidores para pagar os mais antigos, formando desse modo uma bola de neve. O que chama mais atenção é que grandes empresas investiram milhões em um fundo de investimentos do qual não sabiam ao certo como funcionava.

Bancos como RBS, Santander e BNP Paribas já declararam terem sido prejudicados pela fraude, mas estes não foram os únicos, muitos outros bancos e empresas espalhadas pelo mundo também foram prejudicadas, presumi-se que as perdas com a fraude possa chegar a 50 bilhões de dólares.

Estes grandes investidores já deveriam saber que não se pode mais confiar em velhinhos com boa aparência. A culpa sobrou para o governo americano, que está sendo acusado por não desempenhar a fiscalização necessária. É claro que a fiscalização americana foi falha, mas a responsabilidade de conhecer onde está sendo investido determinado capital, são dos próprios investidores, que desta vez, simplesmente ficaram com a cara de bom velhinho de Madoff como garantia de seus milhões de dólares investidos no fundo.