quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

Brasil concede refúgio político a acusado de assassinatos

foto de Cesare Battisti, ex-militante italiano

Nesta semana o italiano Cesare Battisti recebeu do governo brasileiro status de refugiado político. Cesare é acusado de assassinar quatro pessoas, além de diversos outros crimes.
Embora o governo italiano esperava a extradição do acusado, o governo brasileiro tomou a estranha decisão de conceder asilo político a Cesare, decisão que causou mal-estar entre os governos, abrindo espaço até a um possível boicote dos produtos brasileiros por parte dos italianos.
Segundo o advogado de Cesare, o Brasil concedeu asilo político ao ex-militante graças a intervenção do Presidente francês, Nicolas Sarkozy.
É obvio que o Brasil passa por um momento de criação de uma grande aliança com a França, entretanto o país não deve ceder a este tipo de pressão, nestas situações o Brasil tem de ser soberano, e não deve de forma alguma ajudar qualquer tipo de criminoso.